RSS

Arquivo mensal: novembro 2010

SAUDADE!!!

“Para sempre é muito tempo. O tempo não pára! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo.” (Mário Quintana)

“A saudade é o passar e o repassar das memórias antigas.” (Machado de Assis)

“A saudade pelos vivos é dor suave.” (Camilo Castelo Branco)

“Saudade é uma coisa que não tem medida, é um vazio que só se pode preencher com a lembrança.” (Irene de Albuquerque)

“Sentimos saudade de certos momentos da nossa vida e de certos momentos de pessoas que passaram por ela.” ( Carlos Drummond de Andrade )

“Saudades: presença dos ausentes.” (Olavo Bilac)

“Saudade é um afeto, excelso amor, o melhor amor e o mais incorruptível que o passado nos herda.” (Camilo Castelo Branco)

“A melhor medicina contra a saudade é a falta de memória.”
( Carlos Drummond de Andrade )

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28/11/2010 em Uncategorized

 

Tags:

PELOMUNDO CULTURAL

Cia de Teatro Gente em Cajazeiras

26-11-2010 – Fátima de Carvalho

Atriz angolana Heloisa Jorge em AMÊSA

CONSCIÊNCIA NEGRA COM APRESENTAÇÕES DOS ESPETÁCULOS AMÊSA E NO OUTRO LADO DO MAR… TEXTO DO ANGOLANO JOSÉ MENA ABRANTES

Os espetáculos ficam em cartaz no Colégio Estadual Leonor Calmon, em Cajazeiras, nos dias 20, 21, 27 e 28 de novembro, 19 horas, com entrada franca para os alunos e ingressos à R$ 5,00, para a comunidade.

AMÊSA, direção Suelma Costa
Amêsa ou a canção do desespero é um texto de José Mena Abrantes, escritor que viveu alguns anos da guerra pela independência de Angola e toda a guerra civil que se iniciou logo após a independência. Por isso, é impossível pensar esse texto distinto da história de Angola, assim como não dá para separá-lo da história do próprio autor.
O texto trata da personagem Amêsa narrando sua própria história. Sua narrativa parte, não dos fatos, mas das marcas que ficaram em seu corpo e em sua alma,.que simbolicamente revela as marcas e lembranças de uma Angola que ainda grita e sente na pele de seus filhos a dor da guerra.
O espetáculo AMÊSA realizou 09 apresentaçãoes em LUANDA – ANGOLA, no Festival Internacional de Teatro de Curitiba, Festival Ipitanga – prêmio de Melhor Atriz, Texto e Iluminação, e Festival Cena Baiana no Ceará e Maranhão 2009.
http://www.youtube.com/watch?v=ZrG2eZIFBMw

NO OUTRO LADO DO MAR…, direção Suelma Costa
Com o espetáculo “Amêsa” iniciamos uma viagem rumo às cicatrizes deixadas pela guerra (explícita ou não) no corpo de uma pessoa.

Desejando dar continuidade a essa caminhada, fizemos a opção por “No outro lado do mar…”, texto também de Mena Abrantes, que foca outro ângulo da mesma experiência. Neste texto, é como se pudéssemos ver de dentro pra fora, do centro para a superfície.

Iniciamos o processo andando, de mãos dadas, no escuro. Muitos foram os registros inconscientes do nosso corpo que se apresentaram no processo de criação. Sentimos medos, angústia e agonia, mas estávamos vivendo um exercício profundo de nos ver com um “terceiro olho” proposto por Aldren, e isso nos ajudava a ter alguma serenidade no processo.

Algumas brechas de luz foram se abrindo no caminho. O homem e a mulher, personagens da cena, foram encontrando suas casas nos corpos de Everton e Ana, e a consciência de que esses personagens são arquétipos comuns na atualidade foi-se ampliando. No entanto, o escuro, com os seus silêncios, ao invés de sumir com o tempo, tornou-se a atmosfera do espetáculo. Afirmou-se. Reafirmou-se.
http://www.youtube.com/watch?v=8lmNmbzcKt0&feature=fvst

A CIA:
Neste ano a Cia de Teatro Gente está completando uma década de nascimento. São dez anos de busca por uma identidade que seja, ao mesmo tempo una e multe, respeitando e sustentando as muitas diferenças de quem a mantém viva.

Nessa busca, a CIA foi montando espetáculos que investigam o corpo vivo do ator, as diversas formas de estar presente em cena, mas que se propõem também a investigar lugares que pertencem a tantas outras questões relacionadas à raça, ao gênero, às origens, às histórias de vida, à espiritualidade, ao social, às individualidades, às relações, à ancestralidade, ao silêncio, ao invisível.
No repertório os espetáculos: BARRELA de Plínio Marcos, UMA MULHER VESTIDA DE SOL, de Ariano Suassuna, AMÊSA E NO OUTRO LADO DO MAR…, texto de Mena Abrantes.

Para onde a Cia está caminhando hoje, aos dez aninhos, com essa pesquisa e mais esse espetáculo cheio de nascimentos e mortes? “Não sei. Sinceramente, não sei.” Mas penso que chegaremos a algum lugar… quem sabe…
No outro lado do mar…

Local: Colégio Estadual Leonor Calmon – Cajazeiras – Salvador – BA
Data do Evento: 20/11/2010 a 28/11/2010, às 19:00h
Valor: Grátis para alunos e comunidade escolar e R$ 5,00 para a comunidade local.
Contato: (71) 8804-1667
Site: Cia de Teatro Gente

Coral das Mil Vozes: 1ª apresentação dia 16/dez

 

 

 

 

 

Coral das Mil Vozes

Apresentação de canto coral, sempre nas festas de final de ano, constituindo-se em atração número um de Teresina (PI), com apresentações que reúnem milhares de pessoas. O coral é constituído de crianças da rede estadual de ensino. O coordenador do evento, Victor Maciel, estima que pelo menos 30 mil crianças já se apresentaram nos eventos natalinos.

Local: As apresentações são realizadas ao ar livre, no adro da Igreja de São Benedito (Alto da Jurubeba), no Centro de Teresina, próximo ao Palácio de Karnak (sede do governo estadual).
Data:  16/12/2010
Valor: Grátis
Contato:  Coordenadoria de Comunicação Social do Governo do Estado do Piauí – Telefone: (86) 2107 3313
Site: Piauí

Natal com Leituras começa dia 30/11 no Rio

5ª edição do Natal com Leituras na Biblioteca Nacional promove encontro com escritores em novo espaço

Evento para crianças e jovens acontece entre 30 de novembro e 2 de dezembro

O Natal com Leituras na Biblioteca Nacional chega à sua 5ª edição nos dias 30 de novembro, 1 e 2 de dezembro, das 9h às 17h, nos jardins da entrada da Rua México da Biblioteca Nacional. Crianças, jovens, seus familiares e professores estão convidados a participar do evento gratuito, que tem como propósito promover a leitura e o contato com livros de qualidade num ambiente agradável e acolhedor. A realização é da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) e o apoio, da Fundação Biblioteca Nacional (FBN) e Instituto C&A.

A novidade dessa edição é que ela acontecerá ao ar livre, no agradável jardim da entrada da Rua México que ganhou uma cobertura especial para abrigar eventos por ali. O espaço oferecerá atividades como: encontros com escritores e ilustradores; leituras de histórias; além de uma biblioteca para as crianças e um lounge de leitura para os jovens.
A programação voltada para os pequenos leitores contempla encontros com escritores e ilustradores, além da biblioteca e leituras de histórias. Sonia Rosa, Renato Alarcão, Roger Mello, Graziela e Bia Hetzel, Guto Lins, Mauricio Veneza, Ricardo Benevides, Thaís Linhares e Luciana Savaget são alguns dos nomes já confirmados.

Como na edição anterior, as palestras destinadas ao público jovem acontecerão no auditório com a presença de Luciana Sandroni, Flávia Lins e Silva, Luiz Antonio Aguiar, Anna Claudia Ramos, Heloisa Seixas, Ruy Castro e Ricardo Azevedo, ilustrador e autor paulista que vai participar pela primeira vez do evento. Autor de mais de 100 livros para crianças e jovens, ele será entrevistado no dia 2/12, às 17h. Todos esses encontros certamente serão uma boa oportunidade para adquirir conhecimentos sobre o processo de criação do livro: texto, ilustração e projeto gráfico.

O novo espaço onde acontece o Natal com Leituras na Biblioteca Nacional será organizado de tal modo que os grupos de crianças e jovens visitem tudo, sempre participando de alguma atividade sem atropelos. Haverá uma exposição de livros com temas natalinos e, como já é tradição do evento, cada criança ou jovem visitante ganhará um livro na saída.

NATAL COM LEITURAS NA BIBLIOTECA NACIONAL
O evento para crianças e jovens chega à 5ª edição. Os visitantes participam de leituras e bate-papos com escritores e ilustradores e ainda ganham um livro na saída.

Fundação Biblioteca Nacional/Espaço Cultural Eliseu Visconti (jardins). Rua México s/nº, Centro –

Tel.: 3095-3879.

De 30/11 a 2/12, das 9h às 17h.
Entrada franca.
Outras informações: FNLIJ – Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil

Tel.: 2262-9130 ou 2215-3406.
Site:www.fnlij.org.br

Twitter
 
Deixe um comentário

Publicado por em 26/11/2010 em Uncategorized

 

Tags:

GALERIA WILSON CAETANNO

Sala Augusto Boal





 
Deixe um comentário

Publicado por em 20/11/2010 em Uncategorized

 

Tags:

PELOMUNDO CULTURAL

Festival Internacional de Música Corporal

de 16/11 a 21/11 ·São Paulo, SP 

No primeiro dia: “Slammin All-Body Band” com o criador do IBMF, Keith Terry

Ainda dá tempo, continuam as apresentações até dia 21/11.

Está em São Paulo e pela primeira vez no Brasil o Festival Internacional de Música Corporal.
IMBF promove um panorama mundial da música corporal e orgânica produzida nos quatro cantos do planeta com shows, exposição e oficinas exclusivas.

Idealizado pelo americano, Keith Terry músico e pesquisador da música corporal no mundo, sua terceira edição é realizada a convite e em parceria com o Núcleo Barbatuques , grupo brasileiro reconhecido internacionalmente como referência no trabalho de pesquisa sobre o corpo e suas possibilidades sonoras.

O apoio e patrocínio são da Secretaria Municipal da Cultura de São Paulo , que viabilizou a realização do Festival.

O IBMF 2010 “Brasil” tem direção de Fernando Barba e recebe cerca de 11 atrações internacionais inéditas: Slammin All-Body Band (EUA, com Keith Terry criador do IBMF), Kekeça (Turquia), Kenny Muhammad (EUA), Tekeyé (Colômbia), LeeLa Petronio (França), Max Pollak (Áustria), Sandy Silva (Canadá), Step Afrika! (EUA), Las Flamengas (Espanha), B.A.S.E. (EUA) e Jep Meléndez (Espanha).

Além de uma apresentação especial do Barbatuques com participação de Stenio Mendes e Orquestra Corporal.
Aproveite pois além da riqueza artística, todas as apresentações são gratuitas.

Centro Cultural São PauloRua Vergueiro, 1000 – Paraíso
Telefone: (11) 3397-4002
Sala Adoniran Barbosa  300 lugares (teatro);  631 lugares (shows)
Acesso para pessoas com deficiência.

Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso
Av. Deputado Emílio Carlos, 3641 – Vila Nova Cachoeirinha.
Telefone: (11) 3984-2466
ANFITEATRO (50 lugares)

Teatro Cacilda BeckerRua Tito, 295 – Lapa
Telefone: (11) 3864-4513  Capacidade: 195 lugares
Acesso para pessoas com deficiência.

Galeria OlidoAvenida São João, 473 – Térreo ao 2º andar
Telefones: 3397- 0163
Vitrine de dança Capacidade: 200 lugares
Sala Olido Capacidade: 293 lugares.
Acesso para pessoa com deficiência.

Quando ir 16/11/2010 a 21/11/2010

Quanto custa  – Gratuito

Body Music Festival International
Twitter
Fonte: overmundo

 

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/11/2010 em Uncategorized

 

Tags:

UM POUCO DE BOAL – II

19-11-2010 – Fátima de Carvalho

Família e estudos

Augusto Boal nasceu no Rio de Janeiro, subúrbio da Penha.
Filho do padeiro português José Augusto Boal e da dona de casa Albertina Pinto, dirigia peças familiares, com seus três irmãos aos 09 anos.
Vai estudar Engenharia Química na antiga Universidade do Brasil, (atual UFRJ),  paralelamente escrevia textos teatrais, aos 18 anos.

Enquanto realizava estudos , na Columbia University, em Nova York, em nível de Ph.D e Engenharia Química, estudava dramaturgia na School of Dramatics Arts, também na Columbia, com John Gassner, professor de Tennessee Williams e Arthur Miller, na década de 1950.

Na mesma época, assistia às montagens do Actors Studio.
O dramaturgo é conhecido não só por sua participação no Teatro de Arena da cidade de São Paulo (1956  a  1970), mas sobretudo por suas teses do Teatro do Oprimido, inspiradas nas propostas do educador Paulo Freire.
Suas concepções são estudadas nas principais escolas de teatro do mundo.
Sua obra escrita é expressiva. Com 22 livros publicados e traduzidos em mais de vinte línguas.

O livro Jogos Para Atores e Não Atores trata de um sistema de exercícios (“monólogos corporais”),  jogos (diálogos corporais) e técnicas teatrais além de técnicas do teatro-imagem, que, segundo o autor,  podem ser utilizadas não só por atores mas por todas as pessoas.

Apesar de existirem milhares grupos e centros de estudos sobre o
Teatro do Oprimido no mundo (mais de 50 países nos cinco continentes),
apenas o Centro de Teatro do Oprimido (CTO) do Rio de Janeiro é reconhecido como o ponto de referência mundial da metodologia.

Localizado na Avenida Mem de Sá nº 31, bairro da Lapa, Rio de Janeiro – RJ- Brasil, o CTO foi fundado em 1986 e dirigido por Boal até o seu falecimento em 2009.


 

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/11/2010 em Uncategorized

 

Tags:

PELOMUNDO CULTURAL

Sesc realizará eventos musicais

Por Oscar Rocha

17-11-2010 – Fátima de Carvalho

A partir da próxima segunda-feira (dia 22 de novembro), o Sesc Horto promoverá uma série atividades musicais.

A primeira atração será a mostra de fotografia destacando a trajetória  da Orquestra Sinfônica de Campo Grande, Banda Muchileiros e Masis Brasil. Cada uma possui característica distinta e está inserida num contexto musical próprio.

No dia 24 de novembro, no Teatro Prosa , acontece a  palestra “Ecologia acústica”, às 20h, abordando conceitos de ecologia acústica e paisagem sonora.

A proposta é promover uma conscientização sobre as implicações das transformações sonoras em um ambiente.

Com exemplos auditivos de diversas localidades, a palestra fará uma correlação  entre Campo Grande e o pantanal sul-mato-grossense, do ponto de vista de suas sonoridades características.

Nos dias 25 e 26 de novembro, haverá a Oficina “Paisagens sonoras”, no Horto Florestal e Departamento de artes e comunicação UFMS.

As aulas serão de 14h às 17h, divididas em três momentos. No dia 28, no Teatro Prosa, acontece o encontro dos Muchileros, Masis e Orquestra Sinfônica de Campo Grande numa apresentação especial.
Fonte: Correio do Estado

 

 

 

 
Deixe um comentário

Publicado por em 17/11/2010 em Uncategorized

 

Tags:

Ainda em cartaz “O LOBO DA ESTEPE”

Assistam cenas da peça “O LOBO DA ESTEPE” e entrevista com o Diretor de Artes Cênicas Wilson Caetano.

Acompanhe atualizações das postagens pelo Twitter

 
Deixe um comentário

Publicado por em 17/11/2010 em Uncategorized

 

Tags: