RSS

Museu Virtual do Iraque

19 fev

19-02-2012 – Fátima de Carvalho

                                                         Museu virtual tem versões em inglês, italiano e árabe
                                                         e mostra, na abertura, a “Senhora de Uruk”
                                                         Foto: Reprodução

Os tesouros do Museu Nacional do Iraque, entre os quais coleções de rara beleza e os primeiros textos escritos da humanidade, estão à disposição dos cidadãos do mundo inteiro na internet. O “Museu Virtual do Iraque”, projeto do Conselho Nacional de Pesquisa da Itália (CNR), permite que o visitante aprecie a exposição de cada período e compreenda a história da civilização que surgiu entre os rios Tigre e Eufrates. A reconstrução em 3D oferece uma abordagem interativa com som e vídeos, além da possibilidade de explorar mais detalhadamente cada uma das obras.

O Museu Nacional do Iraque fica localizado em Bagdá e seu acervo, que reúne relíquias da antiga Mesopotâmia, é considerado o quarto mais importante do mundo. Saqueado em 2003, durante a ofensiva americana no país, o museu ficou fechado após a guerra para ser restaurado e reabriu as portas em fevereiro deste ano. O museu tem em torno de 25 mil peças no acervo, mas estão expostas somente 30% delas.

O site
Na página de abertura do museu virtual, o enigmático rosto da Senhora de Uruk, obra-prima da civilização suméria, dá as boas-vindas. Na introdução, um vídeo curto mostra a história do museu desde 1926.

Um total de 70 peças, das quais 40 com reconstrução em 3D, estão expostas no museu virtual, que ofere ainda 22 vídeos e 18 mapas que mostram a transformação dos sítios arqueológicos.

No museu virtual são apresentadas oito salas, cada uma correspondendo a uma era da Mesopotâmia. “Os períodos vão desde a idade pré-histórica até o surgimento das primeiras civilizações dos Sumérios, atravessando o Império Babilônico e Assírio, a presença persa e a época de Alexandre, o Grande, até chegar ao mundo islâmico, com a antiga Bagdá dos califas, celebrizada pelo ciclo das Mil e uma Noites”, descreveu o arqueólogo Massimo Cultraro, especializado em pré-historia do Egeu e do Oriente Próximo, à BBC Brasil.

O Museu Virtual do Iraque é resultado do trabalho de alta tecnologia de uma equipe de cem pesquisadores e técnicos do Conselho, liderados pelo professor Roberto de Mattei, vice-presidente do CNR, com a assistência do arqueólogo Massimo Cultraro. Acessível pelo endereço http://www.virtualmuseumiraq.cnr.it, o museu virtual tem versões em italiano, inglês e árabe.

Fonte: terra
Facebook: Teatro Caetanno’s Agenda Cultural
Twitter: Teatro Caetanno’s
Acesse o Link:  MuseuVirtualdoIraque 
Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/02/2012 em Uncategorized

 

Tags: ,

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: