RSS

Bumba- meu-boi

30 ago

30-08-2012 – Fátima de Carvalho

Grupos maranhenses recebem títulos de Patrimônio Cultural do Brasil, nesta quinta-feira

 

O Ministério da Cultura fará a entrega de títulos de Patrimônio Cultural Brasileiro aos grupos de Bumba-meu-boi do estado do Maranhão, nesta quinta-feira (30), a partir das 14h, no Teatro Alcione Nazaré, no Centro de São Luís. O evento é esperado desde o ano passado, quando a mais conhecida manifestação da cultura popular maranhense recebeu o título de Patrimônio Cultural do Brasil. A titulação será realizada como parte do II Fórum Bumba-meu-boi do Maranhão – Patrimônio Cultural do Brasil.

A solenidade contará com a presença da ministra da Cultura, Ana de Hollanda, da governadora do Maranhão, Roseana Sarney, do presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Luiz Fernando de Almeida, da superintendente do Iphan-MA, Kátia Santos Bogea e da secretária de Estado da Cultura, Olga Simão.

Na ocasião será assinado o Termo de Cooperação Técnica para a Salvaguarda do Bumba-meu-boi, com a instalação do Comitê Gestor da Salvaguarda e o lançamento do vídeo São Marçal, A Festa dos Bois da Ilhae de uma cartilha com informações sobre o processo de instrução e benefícios do registro e as linhas de atuação para salvaguardar o Bumba-meu-boi. O Termo de Cooperação Técnica é a base legal para a instalação do Comitê Gestor e o desenvolvimento das ações de salvaguarda. O documento será assinado pelos órgãos públicos e entidades da sociedade civil.

Os títulos de Patrimônio Cultural do Brasil serão entregues aos grupos de Bumba-meu-boi, ao final do II Fórum, e homenageadas as pessoas que contribuíram para sua memória e preservação. Depois haverá apresentação de grupos dos vários sotaques – Baixada, Matraca, Orquestra, Zabumba e Costa de mão. Acesse aqui a programação do evento.

Complexo Cultural do Bumba-meu-boi do Maranhão

O Bumba-meu-boi é reconhecido como complexo cultural por se configurar numa grande celebração das expressões lúdicas presentes em muitas dimensões da vida social dos participantes. A manifestação envolve a devoção aos santos juninos São João, São Pedro e São Marçal. Uma celebração múltipla que congrega performances dramáticas, musicais e coreográficas, associadas aos bordados do boi e à confecção de instrumentos musicais artesanais. É apresentado como a morte e a ressurreição de um boi especial. As apresentações cômicas são feitas com grande participação do público e são entremeadas por toadas curtas contando a história sobre um boi precioso e querido pelo seu amo e pelos vaqueiros.

A história  – Pai Francisco, o escravo de confiança do patrão, mata e arranca a língua do boi para satisfazer os desejos de grávida de sua esposa, Mãe Catirina. O crime de Pai Francisco é descoberto e por isso ele é perseguido pelos vaqueiros da fazenda, caboclos guerreiros e os índios. Quando preso, são infligidos terríveis castigos e, para não morrer, Pai Francisco se vê forçado a ressuscitar o animal. É quando o doutor entra em cena para ajudar a trazer à vida o boi precioso, que, ao voltar, urra. Todos, então, cantam e dançam em comemoração.

(Texto: Ascom/MinC)
(Fotos: Edgar Rocha/Acervo Iphan)

O Ministério da Cultura fará a entrega de títulos de Patrimônio Cultural Brasileiro aos grupos de Bumba-meu-boi do estado do Maranhão, nesta quinta-feira (30), a partir das 14h, no Teatro Alcione Nazaré, no Centro de São Luís. O evento é esperado desde o ano passado, quando a mais conhecida manifestação da cultura popular maranhense recebeu o título de Patrimônio Cultural do Brasil. A titulação será realizada como parte do II Fórum Bumba-meu-boi do Maranhão – Patrimônio Cultural do Brasil.

A solenidade contará com a presença da ministra da Cultura, Ana de Hollanda, da governadora do Maranhão, Roseana Sarney, do presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Luiz Fernando de Almeida, da superintendente do Iphan-MA, Kátia Santos Bogea e da secretária de Estado da Cultura, Olga Simão.

Na ocasião será assinado o Termo de Cooperação Técnica para a Salvaguarda do Bumba-meu-boi, com a instalação do Comitê Gestor da Salvaguarda e o lançamento do vídeo São Marçal, A Festa dos Bois da Ilhae de uma cartilha com informações sobre o processo de instrução e benefícios do registro e as linhas de atuação para salvaguardar o Bumba-meu-boi. O Termo de Cooperação Técnica é a base legal para a instalação do Comitê Gestor e o desenvolvimento das ações de salvaguarda. O documento será assinado pelos órgãos públicos e entidades da sociedade civil.

Os títulos de Patrimônio Cultural do Brasil serão entregues aos grupos de Bumba-meu-boi, ao final do II Fórum, e homenageadas as pessoas que contribuíram para sua memória e preservação. Depois haverá apresentação de grupos dos vários sotaques – Baixada, Matraca, Orquestra, Zabumba e Costa de mão. Acesse aqui a programação do evento.

Complexo Cultural do Bumba-meu-boi do Maranhão

O Bumba-meu-boi é reconhecido como complexo cultural por se configurar numa grande celebração das expressões lúdicas presentes em muitas dimensões da vida social dos participantes. A manifestação envolve a devoção aos santos juninos São João, São Pedro e São Marçal. Uma celebração múltipla que congrega performances dramáticas, musicais e coreográficas, associadas aos bordados do boi e à confecção de instrumentos musicais artesanais. É apresentado como a morte e a ressurreição de um boi especial. As apresentações cômicas são feitas com grande participação do público e são entremeadas por toadas curtas contando a história sobre um boi precioso e querido pelo seu amo e pelos vaqueiros.

A história  – Pai Francisco, o escravo de confiança do patrão, mata e arranca a língua do boi para satisfazer os desejos de grávida de sua esposa, Mãe Catirina. O crime de Pai Francisco é descoberto e por isso ele é perseguido pelos vaqueiros da fazenda, caboclos guerreiros e os índios. Quando preso, são infligidos terríveis castigos e, para não morrer, Pai Francisco se vê forçado a ressuscitar o animal. É quando o doutor entra em cena para ajudar a trazer à vida o boi precioso, que, ao voltar, urra. Todos, então, cantam e dançam em comemoração.

(Texto: Ascom/MinC)
(Fotos: Edgar Rocha/Acervo Iphan)

Fonte: MinC
Facebook: Teatro Caetanno’s Agenda Cultural
Twitter: Teatro Caetanno’s

 

‘s

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 30/08/2012 em Uncategorized

 

Tags: , ,

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: