RSS

Discurso do Coração Infartado – a paixão por Hamlet na Funarte MG

13 mar

13-03-2013 – Fátima de Carvalho

 

Espetáculo, contemplado pelo Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz, une realizadores do teatro físico e do cinema

 

e7f0b0ea6ec5b3b5888edc1403db293a8d4aecb6                                  Discurso do Coração Infartado – Foto: Ricardo Alves Jr.

Silvana Stein atua no soloDiscurso do Coração Infartado, espetáculo que estreia no dia 5 de março, às 20h, na Funarte MG, onde cumpre temporada até 17 de abril, sempre nas terças e quartas, às 20h.

Com direção e dramaturgia de Stein e do cineasta Ricardo Alves Jr, Discurso do Coração Infartado convida o público a observar momentos de um velho sozinho dentro de um apartamento.  Horácio, o velho cômico que sempre desejou ser um ator dramático, sofre uma noite de insônia, em que debate-se entre a existência de seu corpo frágil e sua paixão pela obra “Hamlet”, de William Shakespeare. A profundidade da noite traz à tona a questão de sua existência: ser ou não ser.

O espetáculo reúne as experiências dos dois realizadores: por um lado o teatro físico de Silvana Stein, construindo em cena uma personagem humana que debate-se entre a vida/morte e parte da fantasmagoria proposta em “Hamlet”. Do outro lado, o cinema de Ricardo Alves Jr, que traz questões do homem comum e solitário, da presença do ator como dramaturgia de cena, da temporalidade das ações, além de uma construção cênica voltada para um teatro mais imagético e sonoro. Nessa montagem o diretor propôs o uso de uma espacialização sonora, que irá construir uma ambiência que trabalha com o uso “do fora de campo” como dramaturgia.

 

O cinema aqui não é trabalhado com projeção em cena, mas sim como um plano sequência onde o espectador acompanha sem cortes uma coreografia de situações que se transformam no tempo e no espaço.

O espetáculo foi contemplado pelo Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz.

Sinopse

Discurso do Coração Infartado convida o público a observar momentos de um velho sozinho dentro de um apartamento.  Horácio, o velho cômico que sempre desejou ser um ator dramático, sofre uma noite de insônia, em que debate-se entre a existência de seu corpo frágil e sua paixão pela obra “Hamlet”, de William Shakespeare. A profundidade da noite traz á tona a questão de sua existência: ser ou não ser.

 

Seu apartamento é atormentado constantemente pelos fantasmas da tragédia como Ofélia, Gertrudes, Polônio, Rei Hamlet, e o próprio príncipe Hamlet. Ao mesmo tempo, a vizinha do andar de cima invade sua solitude situando o velho no tempo presente, fazendo-o vítima de várias intempéries e maravilhas da contemporaneidade.

A montagem

O espetáculo “Discurso do Coração Infartado” nasceu da vontade da atriz e diretora Silvana Stein em trabalhar um solo, dando continuidade a sua pesquisa sobre o universo masculino. Para esse projeto, a atriz escolheu debruçar sobre o texto clássico, e o texto escolhido foi Hamlet, de William Shakespeare.

A atriz convidou o diretor de cinema Ricardo Alves Jr para trabalharem juntos na construção de uma obra teatral.

Esse encontro reuniu as experiências dos dois realizadores: por um lado o teatro físico de Silvana Stein, construindo em cena uma personagem humana que debate-se entre a vida/morte e parte da fantasmagoria proposta em “Hamlet”. Do outro lado, o cinema de Ricardo Alves Jr, que traz questões do homem comum e solitário, da presença do ator como dramaturgia de cena, da temporalidade das ações, além de uma construção cênica voltada para um teatro mais imagético e sonoro. Nessa montagem o diretor propôs o uso de uma espacialização sonora, que irá construir uma ambiência que trabalha com o uso do fora de campo.

O texto clássico é ponto de partida para construir um novo texto que fale sobre o nosso tempo. A dramaturgia se concentra num velho que vive só em seu apartamento numa grande metrópole. A contemporaneidade que habita num suposto “andar de cima” se dá através da criação de uma outra personagem que vive e manifesta-se exclusivamente pela sua sonoridade. O dialogo entre o velho e a existência da vizinha do andar de cima traz à tona uma relação que fala intensamente sobre existência humana.

Ficha Técnica

Direção e Dramaturgia: Ricardo Alves Jr e Silvana Stein.
Atuação: Silvana Stein
Iluminação: Leonardo Pavanello
Figurino e Cenografia: Tereza Bruzzi e Ricardo Alves Jr
Assistente de Figurino e adereços: Ana Cardoso
Desenho de sonoro e edição de som: Felipe Zenícola
Preparação Vocal: Flávia Betti
Assistente de Direção: Alexander de Morais
Preparação Clownesca e Bufonesca: Adelvane Néia
Criação de Arte Gráfica: Vinícius Souza
Assessoria de Imprensa: Astronauta Comunicação – Adilson Marcelino e Lucas Ávila
Produção executiva: Marcelo Veronez
Realização: EntreFilmes

Serviço

Discurso do Coração Infartado

De 05 de março a 17 de abril: será apresentado nos dias 05 e 06; 12 e 13; 19 e 20; 26 e 27 de março; e nos dias 02 e 03; 09 e 10; 16 e 17 de abril – sempre nas terças e quarta

Horário: às 20h

Local: Funarte MG – Rua Januária, 68, Floresta

Ingressos: R$20,00 (inteira) – R$10,00 (meia)

 

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 13/03/2013 em Uncategorized

 

Tags:

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: